segunda-feira, 6 de fevereiro de 2012

Imigrantes ou deportados em razão assintótica

Por jlcaon@terra.com.br

Penso ser uma foto do arroio Jararaca de Antônio Prado,como diz o anúncio, belezas ainda a serem descobertas!


Pelo que sei, baseado na geografia de minha infância, o arroio Jararaca começa entre Capela Nossa Senhora do Caravágio e Capela Santana. Vai se lançar ao lado da Capela São José (atualmente Nova Roma do Sul) no Rio da Prata?
Quem vai de Antônio Prado para Veranópolis, passa por Santanna. Em Santanta, para a esquerda, uns três quilômetros, encontra-se Santanna Vecchia, fundada por poloneses que, dizimados por peste, acabaram sendo substituídos por degredados (na linguagem della bella Itália, imigrantes) italianos. Atualmente chama-se São Brás.
Depois de São Brás, descendo ainda uns dois ou três quilômetros encontra-se o arroio Jararaca cujas nascentes começariam, como disse, na região entre Capela Nossa Senhora do Caravagio e Capela Santana.
Descendo-se de Santanna Vecchia até o Jararace e subindo-se pela montanha, logo se chega a Nova Treviso, terra de Dom João Barea que foi colega de escola de Jocondo Caon (meu pai), primeiro filho de Domingos Caon. Domingos Caon era padrinho de Dom José Barea.
Nasci no profondo profondo de Antônio Prado, em plena Idade Média, no escuro mesmo, em muitos sentidos, sem luz elétrica, água encanada, higiene mínima, um quase limbo.
A lombo de cavalo, precisava-se de duas horas para ir ao paese. Assim, para que registrar-me logo depois de nascido?
Os funcionários da Igreja registravam o bambino quando iam batizar, casar, enterrar, etc.; os funcionários da Prefeitura não tinham essa preocupação, pois, cabia ao cidadão registrar o bambino, dentro de certo prazo. Senão, eram multados pai e mãe.
Então, o nascido, no dia 23 de setembro de 1940, batizado em 5 de outubro de 1940 era registrado em 17 de novembro de 1940. Tudo nos conformes, sem multa, e os políticos continuam a política dos deportadores italianos, cujo lema é “me ne frego!”, menos em campanha eleitoral, quando vão para o profondo dos profondos. Assim, graças à providência do clero e à incúria do funcionários eu tenho duas datas de nascimento: 23 de setembro e 17 de novembro. Si non è vero è bene trovato!



Um comentário:

  1. O seu Blog está um luxo Professor José Luiz Caon!
    Em frente!
    Abraços. Cenira

    ResponderExcluir